VERDADEIROS JOVENS CRISTÃOS: UMA UTOPIA?

Por Fábio Cavalcante*

Superar as barreiras da vida, e as tentações sempre presentes em nossos dias, é mostrar sua força, conforme diz 1 João 2:14 : “Jovens, eu vos escrevi, porque sois fortes, e a palavra de Deus permanece em vós, e tendes vencido o Maligno”.

O mundo mudou. E a cada dia, suas mudanças causam um enorme impacto nas pessoas que nele vivem. As transformações na sociedade, na cultura, no modo de cada um encarar a vida, nas relações sociais e nas coisas boas que o mundo oferece, tornam a humanidade cada vez mais distante de Deus, o que, em minha opinião, oferece um grave risco à Igreja de Jesus.

É salutar considerar que o jovem cristão vive uma aventura radical em nossos dias, e não é a prática de esportes arriscados, como bungee jump ou rafting. Refiro-me à luta para a conservação da fé e do caráter genuinamente cristão. Superar as barreiras da vida, e as tentações sempre presentes em nossos dias, é mostrar sua força, conforme diz 1 João 2:14 : “Jovens, eu vos escrevi, porque sois fortes, e a palavra de Deus permanece em vós, e tendes vencido o Maligno”.

E note-se! Vencer o Maligno não é empunhar uma espada espiritual e sair enfrentando tinhosos e capirotos chifrudos e medonhos. Não é somente isso. É vencer as tentações da vida, enfrentar os momentos de pressão, pois, vamos considerar, o mundo está o tempo todo nos oferecendo uma vida melhor no “Lado Negro da Força” (numa analogia bem “nerd”).

Quando lutamos e vencemos o vício, a pornografia, os maus desejos, a ira, a inveja, ou qualquer coisa que nos afasta de Deus, vencemos o Diabo, de certa forma. Ele perde o direito de nos condenar e de apontar as falhas em que nós, por ainda termos uma natureza propícia ao mal, nos encontramos vulneráveis.

Nestes dias (10 a 12/11/2011), uma das maiores denominações evangélicas do Estado realiza um Congresso Internacional de Jovens. A ideia foi ótima e vale uma monção de aplausos, pois os líderes lutam e almejam uma geração forte e valente, que vence o mal e que influencia os demais em seu meio. Não fosse o mal exemplo de muitos rapazotes e moçoilas que ficaram alheios aos berros dos pregadores em praça pública, poderíamos dizer que o evento atingiu 100% de seus objetivos.

Eximimos aqui qualquer culpa dos líderes e organizadores do evento, pois sabemos que não há como ter um controle maior dos liderados. Mas estes últimos, não todos, mas uma boa parte, ignoraram as orações, as vigílias, os ensaios, os cânticos e os preceitos morais e doutrinários propostos pela Bíblia Sagrada. Você encontra muitos jovens, com a camisa do congresso, espalhados pela Praça do Coreto ou pela Praça das Águas, aos namoricos e fricotes com seus devidos companheiros e amigos.

Muitos que não são cristãos, ao verem cenas como essas, passavam e balançavam a cabeça em sinal de desprezo. As redes sociais registraram várias notas de repúdio e críticas ferrenhas à igreja evangélica (assim mesmo, de forma generalizada), constando que “pastores deveriam fazer outra coisa ao invés de gastar dinheiro dos fiéis com eventos de estruturas faraônicas” (N.A- não vamos citar as fontes, mas o registro aqui foi feito). Novamente, vamos deixar claro: eximimos aqui a culpa dos líderes e organizadores do evento. A culpa recai sobre a grande parcela da geração jovem, composta por moleques cabeças-de-vento, sem escrúpulos ou respeito à Bíblia. Se querem curtir a vida de vocês, façam isso sem mencionar sua fé (o ideal seria ‘religião’), para não corromper a imagem daqueles que ainda preservam a sã doutrina.

Registramos aqui nossos cumprimentos a todas as equipes que organizaram o referido evento, pelo empenho e zelo que tiveram durante os dias de congresso. Que sejam sempre vitoriosos, bem como os jovens fieis e verdadeiros que militam pela Palavra de Deus, neste mundo doente e enfermo. Aos baderneiros, procrastinadores e indecentes que insistem em sujar o nome de Cristo, meus pêsames.

* Fábio Cavalcante é jornalista e diretor-geral do Universo Gospel Comunicações. Siga-lhe no Twitter: @Fabiocbv

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s