NOTE-SE! 26.12.2011

2011: que ano maluco!

Sem sombras de dúvidas, este ano não foi um dos piores de nossas vidas, mas também não foi um dos melhores. Foi tivemos crises, catástrofes, tragédias, como sempre já ocorreram em outras temporadas. Mas, parece que tudo parte para o fim de todas as coisas. Não quero ser apocalíptico, até porque sou meio incrédulo quanto a profecias. Mas, a Bíblia está aí para reafirmar o compromisso divino em dar cabo a todas as perversidades deste mundo e definir um recomeço a todos nós. Por isso, como diz o rapper Pregador Luo….fiquei firmes!

 

Confusão gospel

Boa Vista inteira ficou sabendo da balbúrdia realizada no fim de um festival de música, realizado há duas semanas no Palácio da Cultura. Os protagonistas: os evangélicos. Ao menos foi o que muita gente disse por meio das redes sociais. Mas como tudo o que é postado na Internet não deve ser levado em consideração, convém investigar, ao invés de ficar sustentando uma única versão.

 

Confusão gospel 2

Há quem diga que o motivo da confusão foi que os evangélicos presentes no evento protestaram contra o resultado do festival, que não privilegiou nenhum ‘irmão’. Muitos gritaram “Marmelada! Marmelada!”, constando que o resultado foi viciado, que era carta marcada e tal. Houve quem dissesse que muitos ‘crentes’ tentaram esmurrar os vencedores do concurso, como se eles tivessem alguma coisa a ver com tudo isso.

 

Ordem e dessência

Vamos considerar o seguinte: caso essa história seja verdade (que eu desconfio muito que seja), devemos entender que foi algo lamentável. Se querem protestar, busquem os meios legais, sem optar pela balbúrdia e pela desordem. Afinal, somos luz e devemos ser exemplos neste mundo. E não promover a patifaria.

 

Preconceito?

Mas, como muitos dos evangélicos que estavam lá, deram outra versão. Apenas umas três pessoas, que eram parentes de um dos ‘derrotados’ e que nada tinham a ver com a ‘religião evangélica’, foram os que protestaram. Além disso, muitos afirmaram que alguns organizadores do evento ironizaram o fato, deixando claro que de forma alguma um ‘evangélico’ iria ganhar o festival. E ainda mais: se quisessem ganhar alguma coisa, que os evangélicos fizessem seu próprio festival.

 

Preconceito? 2

Pelo que me lembro bem, no regulamento do festival constava que todos os tipos de música poderiam ser inscritas, independente do fato de serem religiosas ou não, pois o julgamento seria da música, da qualidade da composição, entre outros fatores. Mas parece que, nas próximas edições do festival, nenhuma manifestação religiosa será apreciada. Vamos acompanhar o desenrolar dessa história e trazer aos nossos leitores mais detalhes em breve.

 

Música Gospel ≠ Cultura

O que ficou patente nessa história toda é que a música gospel não pode ser considerada cultura. É religiosa e ponto. Assim, deve ser restrita aos templos e às “cerimônias religiosas”, não sendo confundida ou se misturar com a música secular. Por isso a afirmação de que, se os evangélicos querem sagrarem-se vitoriosos em algum festival de música, tem que ser em seus próprios eventos.

Definição de cultura

Segundo o Aurélio, cultura pode ser entendida como um “conjunto de características humanas que não são inatas, e que se criam e se preservam ou aprimoram através da comunicação e cooperação entre indivíduos em sociedade”. Além disso, “está associada a uma capacidade de simbolização considerada própria da vida coletiva e que é a base das interações sociais”. Alguém, por acaso, ainda não consegue enxergar a ‘cultura gospel’ dentro dessas definições?

 

Associação

O episódio impulsionou a discussão sobre algo que estava ‘engavetado’ há algum tempo: a proposta de criação da Associação dos Músicos Evangélicos de Roraima, para defender os interesses da categoria, que inclui cantores, instrumentistas, técnicos de som e qualquer pessoa envolvida no meio. Para isso, um grupo foi criado no Facebook para arregimentar a categoria. Sobre isso, vamos tratar com mais detalhes em breve. Aos interessados, segue o link do grupo: http://www.facebook.com/groups/310991692268626/

Charge


Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s